Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Regulamentação

A Comissão europeia restringe a utilização de três conservantes em produtos cosméticos

A Comissão Europeia reviu em baixa as concentrações máximas permitidas para dois parabenos em produtos cosméticos e proibiu a utilização de esses em alguns produtos para bebés. O uso de metilisotiazolinona (MI) e metilcloroisotiazolinona (MCI) é também restringido ainda mais.

A decisão da Comissão resulta de uma avaliação pelo Comité Científico da Segurança dos Consumidores (CCSC), um órgão consultivo independente que procedeu a uma cuidadosa avaliação do risco das substâncias antes de recomendar a sua restrição ou proibição.

© Olga Miltsova / shutterstock.com

© Olga Miltsova / shutterstock.com

Novas restrições sobre parabenos

A primeira medida adoptada pela Comissão [1] limita a concentração máxima de dois conservantes, propilparabeno e butilparabeno, passando do limite atualmente permitido de 0,4 % quando utilizados individualmente e 0,8 % quando misturados com outros ésteres, para 0,14 %, quando utilizados isoladamente ou em conjunto.

Além disso, a utilização dos dois conservantes é proibida em produtos não enxaguados concebidos para a zona coberta pelas fraldas em crianças de idade inferior a três anos pois a ocorrência de irritações cutâneas e oclusão podem permitir uma maior penetração do que a pele intacta.

As novas regras serão aplicáveis aos produtos comercializados após 16 de abril de 2015. Produtos não conformes devem ser retirados do mercado antes 16 de outubro de 2015.

Você pode baixar Regulamento (UE) N.o 1004/2014 aqui abaixo:

REGULAMENTO (UE) N. o 1004/2014 DA COMISSÃO

No início deste ano, a Comissão proibiu a utilização de outros cinco parabenos em produtos cosméticos - o isopropilparabeno, o isobutilparabeno, o fenilparabeno, o benzilparabeno e o pentilparabeno [2] devido à falta de dados necessários para a reavaliação. Os produtos colocados no mercado após 30 de outubro de 2014 não poderão incluir essas substâncias.

Restrição sobre a mistura MCI/MI

Em segundo lugar, a Comissão proíbe a mistura de metilcloroisotiazolinona (e) metilisotiazolinona (MCI/MI) em produtos não enxaguados, como os cremes corporais [3]. A medida tem por objetivo reduzir o risco e a incidência de alergias cutâneas.

Você pode baixar Regulamento (UE) N.o 1003/2014 aqui abaixo:

REGULAMENTO (UE) N. o 1003/2014 DA COMISSÃO

No entanto, o conservante continua a poder ser utilizado em produtos enxaguados como champôs e géis de duche, com uma concentração máxima de 0,0015 % de uma mistura, com um rácio de 3:1 de MCI/MI.

A medida será aplicável aos produtos comercializados após 16 de julho de 2015. Produtos não conformes devem ser retirados do mercado antes 16 de abril de 2015.

O metilparabeno e o etilparabeno são seguros

No entanto, a Comissão reiterou também o importante papel de conservantes para a segurança dos consumidores. “Os conservantes têm uma função muito importante nos produtos cosméticos, pois garantem que os produtos que utilizamos no quotidiano estão isentos de agentes patogénicos. É necessário, no entanto, assegurar que proporcionam o mais elevado grau de proteção,” afirmou o Comissário Europeu responsável pela política dos consumidores, Neven Mimica.

A situação jurídica de outros parabenos, como o metilparabeno e o etilparabeno, permanece inalterada. A Comissão europeia relembrou que são seguros, como o Comité Científico da Segurança dos Consumidores (CCSC) confirmou repetidamente. São também alguns dos conservantes mais eficientes.

Vincent Gallon, com AFP/Relaxnews

Observações

[1Regulamento (UE) N.o 1004/2014 da Comissão de 18 de setembro de 2014 que altera o anexo V do Regulamento (CE) n.o 1223/2009 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo aos produtos cosméticos

[2Regulamento (UE) n.o 358/2014 da Comissão

[3Regulamento (UE) N.o 1003/2014 da Comissão de 18 de setembro de 2014 que altera o anexo V do Regulamento (CE) n.o 1223/2009 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo aos produtos cosméticos

© 2014 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Cosmogen: um frasco de vidro e metal para cuidar da sua pele

Cosmogen: um frasco de vidro e metal para cuidar da sua pele

O vidro está de volta à Cosmogen, desta vez muito bem acompanhado de metal, para formar um conjunto embalagem + aplicador particularmente adaptado ao acondicionamento de sérums. A ponta da haste, em zamak com efeito refrescante, permite que o produto seja aplicado com suavidade, seja por deslizamento ou por pressão na região a tratar, (...)

+ informações
Palavra de especialista
Tendências globais de beleza 2018

Mintel
Tendências globais de beleza 2018

A Mintel anunciou recentemente as quatro tendências que vão impactar o mercado global de beleza e cuidados pessoais em 2018. Em 2018: A biotecnologia, juntamente com o ressurgimento da valorização da sabedoria local, ajudará as marcas a enfrentarem os desafios criados pelas questões ambientais. Como os consumidores estão (...)

+ informações

Seções