Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Mercados e tendências

Mercado mundial de maquiagem crescerá 6% em 2018, afirma a Mintel

A agência de inteligência de mercado Mintel prevê que as vendas mundiais de produtos de maquiagem movimentem mais de 48 bilhões de dólares em 2018, registrando aumento de 6% em relação a 2017. A empresa, especializada no monitoramento econômico do mercado, apresentou as principais tendências relativas a essa categoria durante uma conferência organizada por ocasião do salão in-cosmetics Global, realizado em Amsterdã, de 17 a 19 de abril.

Segundo a Mintel, as vendas mundiais de produtos de maquiagem deverão totalizar 48,3 bilhões de dólares em 2018, registrando um crescimento de 6% em relação ao valor apurado em 2017 (45,5 bilhões de dólares). Os cinco países que mais deverão se destacar nessa categoria em 2018 serão os Estados Unidos (12,1 bilhões de dólares), o Japão (6,4 bilhões), a China (5,1 bilhões), o Reino Unido (2,7 bilhões) e a Coreia do Sul (2,2 bilhões).

A Mintel identificou quatro macrotendências para o mercado de maquiagem: mídias sociais, sustentabilidade, transparência e hibridação.

Mídias sociais

O sucesso das influenciadoras mostrou que o público não compra só um produto, mas também uma personalidade. Por isso, é importante, cada vez mais, que as marcas digam claramente quem são e o que pensam.

- 41% das chinesas que compram produtos de maquiagem são influenciadas pelas blogueiras e vlogueiras mais famosas do setor de beleza

- 31% das mulheres alemãs com idade entre 16 e 24 anos usam maquiagem para se sentir na moda

- 66% das britânicas na faixa etária de 16 a 24 anos consideram que é fácil aprender novas técnicas de beleza na Internet

As mídias sociais oferecem às marcas um canal para estabelecer relações mais próximas com as consumidoras e incentivam as usuárias de maquiagem a adotar novos hábitos.

"Conforme uma moda vai passando e outras vão chegando, novas regiões do rosto consideradas selfie-friendly passam a receber mais atenção", explica Charlotte Libby, Global Colour Cosmetics Analyst da Mintel.

Sustentabilidade

Toda a indústria de beleza vem apostando em produtos naturais e orgânicos, e o setor de maquiagem não é exceção: uma atenção cada vez maior vem sendo dada à origem dos produtos e à qualidade dos ingredientes. Diante desse cenário, as marcas precisarão mostrar que adotam políticas éticas e que seus produtos levam em conta a preservação dos recursos naturais e o uso de alternativas ecológicas.

- 66% das britânicas usuárias de cosméticos com idade entre 16 e 24 anos gostariam que os vendedores fornecessem mais informações sobre produtos de beleza que respeitam o meio ambiente

- 24% das italianas compraram produtos de maquiagem naturais ou orgânicos no ano passado

"As consumidoras se interessam por marcas que oferecem produtos sustentáveis. Uma possibilidade de inovação que as marcas podem explorar consiste em tentar reduzir a pegada de carbono por meio da diminuição dos resíduos produzidos. A tendência em termos de embalagem é abrir mais espaço para materiais alternativos, como bambu, casca de coco e farelo de arroz", explica Charlotte Libby.

Transparência

Ao usar um produto, os jovens consumidores querem ter certeza de que ele é fabricado por empresas e marcas com a mesma visão de mundo que a sua.

- 34% dos brasileiros da geração Millennials (19 a 35 anos) declaram preferir produtos de marcas que apoiam projetos sociais

- 39% das americanas com idade de 18 a 34 anos pensam que as marcas patrocinam associações de caridade para tentar melhorar sua imagem no mercado

As marcas precisam convencer os consumidores de que o posicionamento assumido por elas é autêntico. "Uma estratégia de doações para instituições beneficentes deve ser desenvolvida no longo prazo e de forma apropriada, para que se torne parte integrante das atividades da empresa", continua Charlotte Libby.

Hibridação

Diante do aumento da demanda por produtos de maquiagem que fazem bem à pele, cresce o leque de possibilidades à disposição das marcas para desenvolver produtos híbridos que atendam às exigências de ambas as categorias.

- 67% das mulheres chinesas desejam simplificar a rotina de maquiagem
- 41% das americanas que compram produtos de beleza estariam potencialmente interessadas em produtos polivalentes
- 41% das mulheres francesas pensam que fatores ambientais (poluição, frio, etc.) afetam a aparência da pele
*

"Considerando a crescente preocupação que as consumidoras têm demonstrado em relação aos efeitos da poluição, os produtos de maquiagem podem oferecer proteção adicional para o rosto. É importante que esses produtos atuem também como cuidados da pele, por exemplo com ação hidratante e de protetor solar. Os probióticos também representam uma fonte de oportunidades: essa tendência importante no setor de cuidados da pele, que estabelece uma correlação entre a qualidade da flora bacteriológica e a saúde da pele, vem aos poucos ganhando terreno no setor de maquiagem", conclui Charlotte Libby.

V.G.
(Tradução: Maria Marques)

© 2018 - Brazil Beauty News - www.brazilbeautynews.com

mais recentes
Foco
Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

Thermolat: novo ingrediente da Symrise tem ação aquecedora

O novo princípio ativo sensorial da Symrise proporciona uma suave sensação de calor sobre a pele, semelhante à de um raio de sol. Com o nome de Thermolat, ele foi desenvolvido para entrar na composição de cremes, géis e bálsamos e produz efeitos duradouros, com a vantagem de não provocar sensação de ardência ou queimação. "Comparado com o (...)

+ informações
Palavra de especialista
Surpreendendo a geração paradoxal

Lipotec - Lubrizol
Surpreendendo a geração paradoxal

Nós ouvimos sobre a geração Millennial em todos os lugares. Representando mais de um quarto da população global, eles são hoje, a geração mais influente e a mais difícil de compreender devido às suas diversas contradições. Os Millennials vivem suas vidas online, mas amam as interações da vida real. Eles são democráticos e inclusivos, mas pedem (...)

+ informações

Seções