Siga-nos twitter facebook
Edição: Brasil
Clique aqui para recebernossa newsletter gratuita cliquez ici
Embalagem e design

Aptar decodifica o ato de se perfumar

Líder mundial do segmento de dispensadores para o setor de perfumaria, a Aptar Beauty + Home deseja colaborar para o sucesso de seus clientes, valorizando o aspecto sensorial associado aos gestos e à maneira de se perfumar. Com esse objetivo, o Grupo realizou um estudo que mobilizou diversos painéis de consumidores na França, no Oriente Médio, no Brasil, na China e na Coreia. O trabalho serviu de base à elaboração de um "Codex de gestos", inventário que descreve os mil e um gestos para se perfumar.

"Nós, profissionais da Aptar, estamos convencidos de que é necessário desbanalizar o gesto de vaporizar o produto – por isso, sugerimos dar uma roupagem apropriada ao perfume", afirma Sabine Bouillet-Lubot, Strategic Marketing Manager Fragrance da empresa. "É de interesse da indústria desenvolver o aspecto sensorial nessa área".

Esse foi o ponto de partida para a criação do "Codex de gestos", vocabulário de referência para traduzir em palavras a evolução e as formas de aplicação de perfumes, bem como as soluções que a Aptar oferece, abrangendo desde o gesto mais simples de apertar a válvula de um spray até os mais sofisticados rituais usados para fórmulas alternativas.

A principal conclusão do estudo é que a maneira de se perfumar não depende apenas da cultura do usuário ou do clima local, mas de muitas outras variáveis, como a personalidade, as circunstâncias, o gênero, etc.

Cada qual com seu spray

O gesto de pulverizar o perfume é - e certamente continuará sendo para os mais pragmáticos – o modo de aplicação mais usado mundo afora. Mas existem várias nuances nesse gesto. Na categoria do spray clássico, o Codex sugere o termo débrumer, algo como "desdormir", que designa o ato de aplicar perfume com tapinhas vigorosos no rosto durante a higiene matinal para espantar a sonolência. Esse gesto é geralmente praticado por homens, da mesma forma que a versão alternativa de pulverizar o perfume sobre o torso, hábito que carrega todo um simbolismo de poder.

Um ritual bem mais elaborado é o de ennuager – "enuviar", ou seja, transformar a fragrância em nuvem e nela mergulhar para impregnar-se totalmente. Praticado em todas as regiões do mundo, é geralmente apreciado por mulheres com personalidade marcadamente sedutora e homens do Brasil e do Oriente Médio, que costumam usar quantidades generosas de perfume. Para oferecer ao consumidor essa sensação de long time spray, a Aptar desenvolveu o Precious, solução de brumização que proporciona a difusão da fragrância por um tempo três vezes superior ao de um vaporizador clássico, usando uma mesma dose de perfume. O brumizador está disponível em três versões: Precious, Petite&Precious e Precious 140 mcl.

A busca por novas experiências

Contrastando com o gesto de pulverizar um perfume à base de álcool, há diversas formas alternativas de aplicação e/ou de textura. "Existe uma demanda por novas experiências. Para dar impulso ao mercado, é preciso buscar alternativas e refletir sobre a diversidade de gestos associados a fórmulas que não sejam à base de álcool - por exemplo gel, óleo, cera e até pó", ressalta Sabine Bouillet-Lubot.

Entre essas alternativas, está a aplicação pelo contato, que o Codex traduz da seguinte maneira: déliprécise ("delispecífica") é uma pessoa que seleciona com delicadeza partes específicas do corpo, como a pele atrás das orelhas, a nuca, os punhos, a dobra do cotovelo, etc.

Para esse modo de aplicação, a Aptar desenvolveu o Note, aplicador que se enche automaticamente com o perfume e aplica o conteúdo por capilaridade ao contato com a pele. O Note é perfeitamente adaptado a fragrâncias na forma de eau de parfum, absoluto e concentrado, mas pode também ser usado para fórmulas oleosas.

Entre os outros gestos que constam do Codex estão, por exemplo, o Smellfie, que designa o ato de cheirar o punho impregnado de perfume – e para o qual a Aptar propõe o Éternelle, borrifador em forma de pera –, além de outros movimentos manuais, carícias, fricções e tapinhas, observados principalmente no Brasil, país adepto de fragrâncias leves.

Com essa iniciativa inédita, a Aptar deseja despertar os sentidos em relação aos gestos do ritual de se perfumar e levar as marcas a refletirem sobre essa questão desde a fase inicial da criação de um produto. "As marcas estão atentas às expectativas dos consumidores e começam a perceber a importância da forma de aplicação", conclui Sabine Bouillet-Lubot.

mais recentes
Foco
Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

Recorde de público marca edição 2017 da FCE Cosmetique e FCE Pharma

As feiras FCE Cosmetique e FCE Pharma, que aconteceram entre os dias 23 e 25 de maio de 2017, receberam 15.400 visitantes e registrou um crescimento de 9%, em comparação com o ano anterior. Na cerimônia de abertura, Geraldo Alckmin, o Governador do Estado de São Paulo, destacou os esforços do Governo para o desenvolvimento das (...)

+ informações
Palavra de especialista
Alternativas ecológicas para microesferas de plásticos

Lipotec
Alternativas ecológicas para microesferas de plásticos

A sustentabilidade tornou-se uma grande preocupação nos tempos atuais. Os consumidores têm buscado produtos com ingredientes que não agridem o meio ambiente, visando diminuir os impactos causados. Na indústria de produtos voltados para cuidados com a pele, as microesferas de plástico, utilizadas ao longo da história em esfoliantes para a (...)

+ informações

Seções